85% da borracha de pneus inservíveis são reutilizadas

postado em 27 de setembro de 2012

A produção de borracha no país, seja a partir da seringueira ou através de outros processos, como a borracha sintética, e seus derivados, como o lençol de borracha, vem alcançando grandes números no Brasil nos últimos anos.

Dados divulgados pelo Ibama no começo do mês, apresentam bons resultados no relatório sobre prevenção à degradação ambiental causada por pneus inservíveis. 

Os resultados obtidos em 2011 mostram que a meta global calculada atingiu aproximadamente 85% da destinação adequada, prevista para fabricantes nacionais e importadores de pneus. Segundo o Ibama, as informações partiram de 17 empresas fabricantes e 436 importadoras, onde a meta fixada era de 545.810,67 toneladas. O saldo obtido foi de 462.457,19 toneladas.

Oriundos da borracha, assim como o lençol de borracha utilizado em revestimentos e automóveis também, os pneus inservíveis, a partir da resolução n°146 do Conama, devem ser descartados de maneira correta pelas empresas fabricantes, com a ajuda de pontos de coleta desse material.

No relatório, as empresas declararam que entre os principais destinos desses pneus estavam: utilização em fornos de clinquer como substituto parcial de combustíveis e como fonte de elementos metálicos, laminação, reciclagem por meio da fabricação de borracha moída e entre outros.

O atual índice de 85% mostra o quanto a geração de resíduos está sendo mais trabalhada pelas empresas, mostrando que o descarte, seja do pneu, da borracha ou de seus derivados, como o lençol de borracha, merecem uma atenção maior.

A Borrachas da Mooca é uma empresa especializada na produção do lençol de borracha, com mais de 30 anos de experiência no mercado. Para conhecer mais o produto e a empresa, entre em contato conosco.

  • Gates do Brasil
  • Afa Plásticos
  • Vipal
  • Orion Tecnologia em Borracha

Cadastre-se e receba nossas promoções

Fale Conosco


Exibir mapa ampliado