Expectativa na produção de borracha: alternativas para fabricação do lençol de borracha

postado em 16 de agosto de 2012

Atualmente a produção de borracha no país é limitada pelas poucas áreas realmente produtivas da matéria-prima. Curiosamente, o estado de São Paulo é o maior produtor de látex, produzindo 55% do que é consumido internamente (Expresso MT).

Com o surgimento de projetos como o Complexo Borracha, e que já tem como meta investimentos de R$ 2 bilhões até 2023, a pretensão é que outros estados contribuam mais no mercado de borracha. No caso do Complexo de Borracha, o projeto visa tornar o estado do Mato Grosso do Sul o segundo maior produtor de borracha do país. A estimativa é que nos próximos 8 anos sejam plantadas mais 25 milhões de seringueiras, que atualmente figura no patamar de 13 milhões.

Hoje muitos produtos e empresas que importam a borracha natural ou que desenvolveram tecnologia para produzir esses produtos a partir da borracha sintética, já podem ver nesse projeto uma alternativa e ampliação da produção de seus artigos.

Entre essas empresas, a Borrachas da Mooca, especializada em lençol de borracha, que pode ser fabricado tanto com borracha natural como com borracha sintética, é uma das empresas que podem se beneficiar com a ampliação de produtores.

Produto com ampla aplicação em diversas áreas e empresas, o lençol de borracha pode ter composição variada de borracha, o que reflete em suas propriedades e funcionalidades. Por isso, a experiência de mercado faz a diferença na hora de escolher o melhor lençol de borracha.

Com mais de 30 anos de experiência, a Borrachas da Mooca, entende o cliente e sabe qual o melhor lençol de borracha para a sua necessidade, oferecendo a melhor solução para o que ele procura.

Mais informações e produtos, você encontra no site e com um de nossos consultores.

  • Afa Plásticos
  • Gates do Brasil
  • Orion Tecnologia em Borracha
  • Vipal

Cadastre-se e receba nossas promoções

Fale Conosco


Exibir mapa ampliado